Como_a_agorafobia_se_manifesta

Agorafobia: qual o tratamento?

A agorafobia é um transtorno que envolve uma sensação de pânico em relação a lugares que transpareçam fechados ou com saídas de difícil acesso. Nesse sentido, a pessoa tem um medo fora do normal em relação a ambientes que sejam confinados, portanto vamos verificar agorafobia qual o tratamento.

Queremos deixar claro de antemão que, no primeiro sintoma ou suspeita da existência desse transtorno, recomendamos que você marque uma consulta com o profissional da área de psicologia. Essa é a única maneira de diagnosticar o transtorno de maneira correta, além de passar um tratamento mais adequado para o seu caso.

Além disso, hoje falamos sobre o tratamento, mas sempre é indicado que você tenha um atendimento frequente com o psicólogo, ou seja, mantenha o acompanhamento para obter melhor resultados. Nesse caso, o autoconhecimento é importante, mas não é tudo, então por mais que você se conheça, não o suficiente.

agorafobia

Sempre procure um profissional! Não pense que somente por um texto você consegue realizar tudo que é necessário para um tratamento consoante com o que você precisa. Dito isso, vamos entender melhor sobre esse transtorno e como ele pode ser tratado.

O que é o transtorno da agorafobia?

A pessoa que possui o transtorno da agorafobia se encaixa em um certo padrão: a maioria se originou a partir de um transtorno de ansiedade. Infelizmente, essa é a realidade de muitos. Nem todos que possuem a ansiedade vão desenvolver a agorafobia, mas a maioria que tem agorafobia tem ansiedade (entendeu?).

Para explicar melhor sobre a agorafobia, é necessário entender que esses pacientes possuem uma certa dificuldade quanto ao escape de situações. E essa sensação não precisa ser iminente, mas o simples pensar na possibilidade já o faz ter algum tipo de crise, então mesmo que a pessoa evite os locais, é importante procurar tratamento.

Algumas pessoas procuram evitar alguns lugares (aqueles mais apertados ou os que não possuem saídas fáceis), mas da mesma forma as crises ainda são frequentes. Isso ocorre porque a ansiedade é um problema latente em pacientes com agorafobia.

Quais os sintomas do transtorno de agorafobia?

Como falamos anteriormente, no geral, as pessoas que possuem o transtorno da agorafobia têm um medo de ficar em lugares que são muito pequenos ou que não possuam uma locomoção fácil. Agora vamos falar sobre alguns sintomas específicos desse transtorno, e você pode utilizar para identificar.

– Os pacientes que têm agorafobia possuem um medo de ficar sozinhos em casa, independente da hora;

– Ficar no meio de uma multidão também pode ser um problema para essa pessoa;

– Estar suscetível a frequentar ambientes fechados, e esses lugares são comuns, como salas de cinema ou até mesmo os shoppings centers;

– Utilizar transportes públicos também é um desafio, como os ônibus ou aviões.

– Não existe um perigo iminente, mas a cabeça do paciente cria algumas situações irreais e vive aquilo;

– O dia a dia dessa pessoa costuma ser conturbado, inclusive em espaços de trabalho ou sociais com os amigos.

Como falamos anteriormente, nós sempre indicamos que você procure um profissional da área de psicologia para garantir o seu diagnóstico correto. Porém, com a pandemia, nós precisamos utilizar plataformas digitais para isso, e nem todo confiam nessa maneira. Por isso, hoje trouxemos uma indicação que pode ser uma boa alternativa para você.

Estamos falando do Fepo, e ao acessar esse link você irá encontrar um site que disponibiliza profissionais de psicologia de alta qualidade, bem como uma comunicação simples com os clientes contratantes. Acesse agora mesmo e marque a sua consulta, garantindo os melhores preços para o serviço.

1 comentário em “Agorafobia: qual o tratamento?”

Deixe um comentário

0
Pedidos