Distúrbios de personalidade

Muitos ainda não sabem como o profissional de psicologia realmente atua, pois acreditam que eles trabalham somente para o tratamento de transtornos mentais, e não para ajudar a nos entendermos melhor, assim como entendermos a origem dos nossos problemas, trazer melhor qualidade de vida etc.

Muitos dos distúrbios de personalidade são debatidos hoje em dia, sendo um tema preocupante para a sociedade em geral, seja por parte de quem sofre com o distúrbio ou mesmo com os familiares que precisam lidar com a situação.

Portanto, o distúrbio de personalidade não pode ser negligenciado merecendo até mesmo uma atenção mais direcionada, e isso diz respeito principalmente sobre como o paciente consegue lidar com os sintomas no dia a dia.

Sendo assim vou trazer alguns dos pontos que você precisa ter atenção em relação aos distúrbios de personalidade e de que forma pode dar o encaminhamento correto para o tratamento levando em consideração alguns fatores.

Como reconhecer e tratar distúrbios de personalidade

Os distúrbios de personalidade mais reconhecidos e comuns, são indicados pelo Manual de Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais (DSM), que são utilizados por profissionais da área da saúde e que contém as informações para compreender enfermidades psicológicas.

distúrbio de personalidade

Nesse contexto de consulta ao DSM você poderá também ter acesso aos mais variados tipos de doenças mentais.

Pensando nos distúrbios de personalidade você vai encontrar nesse artigo quais são os sintomas mais comuns e principalmente de que forma você consegue vencer essa situação, e assim certamente obter o tipo de retorno e tratamento que é indicado.

Tipos mais conhecidos de distúrbio de personalidade

Abaixo serão abordados de maneira resumida os mais conhecidos, apenas para que o leitor possa perceber a complexidade e que caso queira conhecer mais, este texto sirva como ponto de partida.

A seguir vou trazer alguns dos distúrbios de personalidades mais observados, e como eles se desdobram, conseguindo assim traçar um padrão para ajudar no tratamento, ou não, o que faz do caso algo mais complexo.

Borderline

As pessoas com característica borderline são mais comuns atualmente, esse tipo de diagnóstico é feito com base em observação de comportamentos com base nas instruções do DSM, com todos os sintomas e orientações.

A instabilidade é uma característica principal desse tipo de distúrbio, desta forma há instabilidade nos relacionamentos interpessoais, instabilidade na imagem de si próprio e instabilidade emotiva.

O tratamento é feito com psicoterapia e em alguns casos medicamentosos, que visam reduzir a intensidade dos sintomas que o transtorno provoca.

Esquizóide

Esse é um dos distúrbios de personalidade que é caracterizado pela falta de interesse em relações sociais, tendência a um estilo de vida solitário, frieza emocional e apatia.

Assim, ocorre o isolamento pela dificuldade e incômodo dessas pessoas de conviverem com os outros e que pode levar a outras enfermidades.

As pessoas com o Transtor de Personalidade Esquizoide são indiferentes com o que os outros falam a seu respeito, seja algo bom ou ruim. Ainda, as expressões emocionais são limitadas.

Paranóide

No Transtorno de Personalidade Paranóide a pessoa possui um nível de desconfiança e suspeita em relação aos outros mais elevado.

Não há um tipo de ameaça real ou algo que de fato seja observado nesse sentido, mas essas pessoas são sempre mais hostis e possuem muita dificuldade em conseguir firmar relações mais profundas, pelo fato da desconfiança.

Esses pensamentos na maior parte do tempo são constantes e o tratamento é difícil pela própria característica da enfermidade, porque traz a sensação que a pessoa pode ser traída a qualquer momento.

Quais os encaminhamentos necessários?

Esses são alguns dos distúrbios de personalidade mais conhecidos e mais comuns, existem ainda muitos outros, mas esses ajudam a ilustrar a complexidade das enfermidades da mente humana.

Em todo o caso, o principal encaminhamento é para uma clínica especializada ou para um profissional que possa fazer todo o trabalho de diagnóstico e de acompanhamento visando uma melhora significativa.

Considerando também tantas modalidades de tratamento é indicado que você saiba qual o tipo de profissional está indicando, o que vai fazer toda a diferença no tratamento em si e principalmente nos encaminhamentos futuros, inclusive se for o caso.

Procurando profissional especializado

Existem uma série de profissionais no mercado, mas existem também aqueles que são especialistas em um determinado assunto, e são eles que a pessoa com algum tipo de distúrbios de personalidade precisa procurar, profissionais qualificados fazem a diferença em qualquer tratamento.

Um psicólogo especialista no assunto e um psiquiatra que também possui uma inclinação para essa vertente são os mais indicados, já que possui a formação necessária para conduzir o paciente para melhorar a sua qualidade de vida.

Distúrbio de Personalidade

Por isso é preciso que você saiba procurar por profissionais que te ajudem, já que alguns casos podem ser graves, além de se agravarem com o passar do tempo, caso não haja o tratamento correto e indicado.

Cada tipo de distúrbio possui um tratamento diferente, principalmente em termos de encaminhamento terapêutico, já que cada um vai ter um sintoma muito específico.

A partir do encaminhamento ideal você pode diminuir os sintomas e melhorar a qualidade de vida, algo fundamental para dar as estas pessoas uma nova oportunidade de viver melhor consigo mesmo e com os outros.

Você sabe a diferença entre psicólogo, psicanalista e psiquiatra? Entenda melhor as diferenças clicando aqui e busque o tratamento adequado para cada tipo de problema. Saiba mais também clicando aqui.

0
Pedidos