Como lidar com o luto por um amigo?

Como lidar com o luto por um amigo?

Lidar com o luto por um amigo é algo que ninguém desejaria ter que aprender, não é mesmo? Mas infelizmente, passar por situações como essa faz parte da vida humana. E não há um jeito simples de superar, já que toda perda é particularmente dolorosa.

Contudo, o processo do luto pode ficar menos difícil com a ajuda de algumas práticas que possibilitam cuidar da mente e trazer paz de espírito para esse momento de dificuldade.

Neste artigo, a Fepo destaca dicas para passar por este momento de forma saudável e traz orientações sobre como o luto é sentido em suas diferentes fases. Acompanhe!

Clique no banner e agende sua consulta:

banner fepo psicólgos online

O que é luto?

Embora a morte seja uma parte natural da vida e esteja no ciclo final da existência, é difícil aceitar que alguém querido se foi. Esse processo de aceitação e superação é chamado de luto, e ele não possui tempo nem intensidade certas que possamos medir.

A psicologia define que o luto é um processo muito particular que surge quando há uma grande perda, como o falecimento de uma pessoa próxima, por exemplo.

A sensação do luto é única para cada pessoa, mas é descrita pela maioria como um vazio que não pode ser preenchido, como uma das dores emocionais mais intensas que podem ser sentidas e, por vezes, como um sentimento de impotência e desamparo.

Como resposta a essa mistura de sentimentos e emoções, é comum que a pessoa que está de luto queira chorar, tenha momentos de raiva e até crises de ansiedade. Nestas situações, podemos notar como a mente está conectada ao nosso corpo, já que a dor emocional costuma
extravasar de alguma forma física.

As fases do luto: conheça os sintomas

Embora o luto não possa ser mensurado, a psicologia define que há alguns estágios que compõem esse processo da dor emocional. Chamadas de 5 fases do luto, é importante compreender que nem todas as pessoas passam por todos esses estágios, pois a forma como cada pessoa vivencia o luto é diferente.

Além disso, a ordem em que as pessoas passam por essas fases também não é a mesma em todos os casos.

Veja a seguir cada um dos 5 estágios do luto e suas características.

1. Negação

Ao serem pegos de surpresa pelo sentimento de tristeza e dor profunda, é comum que algumas pessoas queiram fingir que a situação não está acontecendo para continuar suas vidas. Por isso, nessa fase do luto, nega-se o sentimento para não ter que lidar.

2. Raiva

Diferente da situação anterior, a raiva é uma “máscara” que usamos para esconder como estamos nos sentindo de fato. Nessa fase do luto, sentimos raiva do falecido por ter nos deixado, daqueles que podem ter causado essa perda e queremos encontrar um culpado para a dor que está nos machucando.

3. Negociação

Na fase da negociação, temos uma percepção de que estamos no controle da situação. É nesse momento que surgem as suposições como: “e se eu tivesse…”, “e se eu não dissesse…”, entre outras que passam a assombrar a nossa cabeça.

Culpar a si mesmo pelo que aconteceu é uma das fases do luto mais comuns e muitas pessoas passam bastante tempo nesse estágio supondo que a morte poderia ser evitada.

4. Depressão

Nos primeiros estágios do luto sentimos uma agitação, já na depressão, o sentimento é mais calmo — porém muito mais solitário. Nesse momento, começamos a nos afastar das pessoas por medo de não sermos compreendidos ou não querermos que as pessoas nos compreendam. Essa é uma fase vivenciada de forma muito particular por cada pessoa, assim como a própria depressão.

5. Aceitação

A aceitação não é uma fase onde a pessoa se sente feliz, mas um estágio do luto que traz conforto após a perda. Nesse momento, aceitamos que o fim existe para todas as pessoas e que precisamos seguir, olhando com esperança para o futuro.

Como lidar com o luto por um amigo? 4 dicas

O luto é um acontecimento natural e todas as pessoas passam por esse sofrimento em algum momento da vida. Geralmente, na infância, as pessoas perdem familiares mais velhos e aprendem a lidar de forma mais ou menos tranquila em relação à morte, dependendo de como as famílias também compreendem esse processo.

E na vida adulta, é comum viver a perda de alguns amigos, pessoas que escolhemos ter por perto. E a dor pode ser bastante desafiadora, pois muitas vezes ocorre de forma repentina, sem estarmos preparados — o que pode acabar nos desestabilizando emocionalmente.

Há algumas práticas que podem ajudar a superar esse momento de forma mais saudável. Veja a seguir dicas de como lidar com o luto por um amigo.

1. Respeite o seu processo

O primeiro passo para lidar com o luto é não se cobrar ou reprimir esse sentimento. É preciso permitir o sentimento de tristeza e aceitar que não temos controle consciente do tempo que levará para superarmos essa dor. Sendo assim, seja paciente para lidar com essa situação pelo tempo que for necessário.

2. Cultive as lembranças

O falecimento de um amigo não apaga os momentos que vocês viveram juntos. Por isso, para lidar com esse luto, cultive as lembranças boas, mantenha-o vivo em seus pensamentos e em suas memórias. Ele sempre existirá dentro de você como aquela pessoa que você gosta e que significa muito na sua vida. Faça isso no seu tempo, quando você se sentir preparado para se lembrar de tudo que passaram juntos.

apoio durante o luto por um amigo

3. Aceite ajuda

Aceitar ajuda é outra dica importante para lidar com o luto por uma pessoa querida. Nesse caso, não se isole nos momentos de tristeza, pois isso pode intensificá-la. Procure estar próximo de pessoas que gostam de você, como seus amigos e familiares. Manter contato com outras pessoas e retomar a rotina quando for possível também ajuda a lidar com essa tristeza de forma mais saudável.

4. Se precisar, procure ajuda profissional

Lidar com o luto por um amigo é uma experiência única para cada pessoa e nem sempre conseguimos superar essa tristeza sem ajuda profissional. Quem está vivendo um período muito longo de luto deve procurar ajuda para lidar com esse sentimento. Nestes casos, é recomendado procurar ajuda de um psicólogo para compreender os próprios sentimentos e conseguir seguir em frente.

Uma forma de atendimento psicológico que pode auxiliar no luto é a terapia. Ela possibilita ter autoconhecimento, a entender os próprios sentimentos, proporciona orientações sobre o que fazer e ajuda a lidar com grandes perdas.

A terapia ou psicoterapia é benéfica para todas as pessoas, mesmo para quem não tem graves transtornos. Esse atendimento é capaz de promover paz de espírito, equilíbrio entre o corpo e a mente e melhora da saúde mental.

Aqui na Fepo, você pode realizar a psicoterapia online, uma modalidade de terapia onde você é atendido através do WhatsApp ou Skype.

Conheça nossos serviços de terapia online aqui no site e continue se informando com nossos conteúdos.