memória_e_concentração

O que fazer para aumentar a memória e concentração? Saiba agora

Algumas pessoas apresentam dificuldades quando o assunto é manter a memória e concentração, e por isso alguns exercícios são fundamentais nesse processo. Portanto, caso você esteja procurando por dicas que te auxiliem nesse quesito, o nosso texto de hoje é direcionado a você.

É importante exercitar o nosso cérebro não somente para estimular uma memória recentes, mas também a capacidade que possuímos para o aprendizado (bem como a absorção em si).

Dessa maneira, percebe-se a prevenção da diminuição de raciocínio ou percepção a longo prazo, a partir do momento em que você coloca em prática alguns exercícios, é perceptível a mudança.

Quando falamos em exercícios geralmente as pessoas remetem a uma ideia de que essas serão atividades físicas, porém não são apenas esses exemplos que temos, mas também outros tipos estão envolvidos.

Outra forma de estimular o efeito dos exercícios quanto a memória é a ingestão de determinados alimentos que apresentam taxas ricas em magnésio, vitamina E ou ômega 3.

Alguns exemplos de alimentos que apresentam essas características são o peixe, as nozes, a laranja enquanto suco e banana. Eles conseguem estimular a função cerebral relacionada a memória.

Vamos conferir agora algumas opções de exercícios que podem ser realizados com a finalidade de estimular a capacidade de memória e concentração.

O que fazer para melhorar a memória e concentração?

memória_e_concentração

Prática frequente de jogos

Algumas pessoas gostam muito de jogos em geral (seja qual for a modalidade) e não sabem como isso pode ser aplicado no dia a dia ou até veem como uma coisa “inútil” para a sua rotina.

Contudo, pensar dessa maneira é um equívoco, afinal tudo que fazemos, mesmo no horário de lazer, pode ser aproveitado para outras habilidades nossas.

Como exemplo desses jogos que podem ser praticados com frequência é o sudoku, caça palavras, dominó ou palavras cruzadas. Podemos citar também um quebra-cabeças.

Leitura de livros ou assistir a filmes

A leitura em si deve ser sempre incentivada, e essa falta de estímulo pode ser um dos fatores para a baixa capacidade de interpretações que o indivíduo apresenta em atividades rotineiras.

Quando falamos em leitura de livros não nos referimos somente aos relacionados ao contexto educacional (como os de escola ou faculdade), mas sim de qualquer gênero.

Geralmente as pessoas desmerecem a leitura de livros no sentido ficcional ou de romance, contudo eles podem enriquecer a sua linguagem e vocabulário, então devem ser sim incentivados.

No caso de assistir filmes essa prática também pode ser bem aproveitada, até por ser uma outra forma de absorver conteúdo.

Em filmes é muito perceptível que alguns fazem críticas sociais, e por isso você está absorvendo interpretações que são postas no contexto social o qual estamos inseridos.

Fazer lista de compras

Muitas pessoas já possuem o costume de fazer uma lista de compras para não esquecer itens importantes do mercado, porém e se você tentasse fazer a lista antes de sair de casa e não levar?

Você pode criar o hábito de decorar o que será necessário comprar e chegar em casa conferir, assim a sua memória e concentração será estimulada, pois com o tempo não será preciso levar papel para a rua ou anotar no celular.

Sabemos que é mais fácil levar o que anotou, mas a nossa intenção é fazer com que você precise cada vez menos anotar.

A intenção é que você se organize e com as coisas principais de sua vida (como o que comprará para a sua casa) você possua uma memória e concentração mais desenvolvida.

Testar comidas diferentes da sua

Com o tempo a gente acaba comendo as mesmas comidas, principalmente se você for o seu próprio chef de cozinha. Brincadeiras a parte, testar novas comidas que são diferentes do seu habitual pode estimular a sua memória.

Ao testar comidas e receitas novas você pode entender quais os elementos que mais se combinam e desenvolver um novo paladar.

Isso também pode ser aplicado em restaurantes, pedindo algo novo (e não o usual) você pode tentar descobrir quais os ingredientes que estão ali presentes.

Usar a mão não dominante

Sabemos que todos (ou pelo menos a maioria) possuem uma mão que seja mais fácil de escrever ou de se desenvolver do que a outra.

Uma forma de estimular a sua concentração é tentar cada vez mais usar a mão a qual não seja a sua dominante, pois exigirá mais da sua mente.

Dessa forma, desde escrever até cozinhar podem ser os exercícios para explorar a sua mão não dominante bem como a sua concentração.

Fazer atividades físicas

Sim, as atividades físicas devem estar presentes no seu dia a dia, e não só por conta da memória e concentração, mas para qualquer coisa relacionada a sua saúde como um todo.

É compreensível que nem todo mundo gosta de fazer atividades físicas, porém compreender que isso só faz bem para o seu corpo é essencial para uma qualidade de vida.

1 comentário em “O que fazer para aumentar a memória e concentração? Saiba agora”

Deixe um comentário

0
Pedidos