Tristeza na Alma – você sabe o que é?

A cada dia que passa, o debate acerca da tristeza na alma torna-se mais frequente, isso porque sempre foi banalizado e hoje as pessoas se sentem melhores para se abrirem em relação aos seus sentimentos. 

As perdas e as decepções são comuns, e nós precisamos aprender a lidar com isso. O que muitas vezes nos prejudica é confundir tristeza (profunda, na maioria das vezes) com depressão. 

A tristeza na alma pode ir se diluindo com o tempo, e em algum momento, esse sentimento vai ser menor ou inexistente. Contudo, com algumas pessoas é diferente, já que essa tristeza parece nunca ter fim

Se esse for o seu caso, não se preocupe, nós te afirmamos que existe ajuda e que tudo vai melhorar. 

Sentimos que algo está errado quando há sentimentos estranhos em nós e nos separamos completamente de uma grande parte do nosso mundo emocional. Aqui é importante aprender a distinguir seus próprios sentimentos dos de outros. 

Isso pode ser muito perturbador e levar a autoimagens falsas, causar doenças físicas e mentais, mas também sobrecarregar o sistema imunológico aumentando a tristeza na alma.

Já pensou em ter uma consulta com um psicólogo sem precisar sair de casa? Isso mesmo, com o Fepo você pode, é rápido, fácil e prático. Clique aqui e faça seu agendamento.

Você sabe o que é Tristeza na Alma? 

Os seres humanos possuem seis emoções bases, que são a tristeza, a alegria, a surpresa, o nojo, a raiva e o medo. Não se preocupe, pois essas emoções são extremamente naturais, não há motivo para angústia em relação a isso. 

Quando somos crianças, nós sentimos com muita intensidade qualquer emoção, pois tudo é novidade e não sabemos como lidar com isso. Já na fase adulta, as experiências são mais maduras e conseguimos controlar melhor as reações, mas não as emoções. 

De antemão, avisamos e reforçamos que a tristeza na alma em si é extremamente normal. Geralmente, temos o sentimento de tristeza quando perdemos algo ou alguém, quando algum ciclo se fecha (escola, namoro etc.). 

Em resumo, a tristeza na alma é proveniente de alguma situação muito ruim e que na maioria das vezes não tem como reverter. 

O problema da tristeza na alma está justamente com a intensidade; algumas pessoas têm mais sensibilidade que outras, o que pode ser prejudicial já que pode agravar algo que já existia. Nesses casos, esse sentimento de tristeza deve ser observado e analisado. 

Essa tristeza na alma é justamente uma tristeza que tem a sensação de nunca ter fim, e o cuidado deve ser maior para essa sensação não se tornar uma depressão ou algum outro transtorno. Todos nós devemos procurar nosso equilíbrio emocional

Como cuidar da Tristeza da Alma? 

É certo que a tristeza é algo que está aqui e não podemos fingir o contrário. Por esse motivo, devemos nos aceitar a procurar ajuda e sempre que puder realizar alguns exercícios para diminuir esse sentimento. Vamos lá?!

Comece um processo de autoconhecimento: o autoconhecimento pode ser a resposta para todos os problemas que você tem internamente, isso porque o que procura está dentro de você. Além disso, não se pode resolver algo que se desconhece a origem. 

Busque sempre olhar para si, conhecer os seus defeitos, pontos fracos e habilidades também, bem como os seus pontos positivos. 

Escute a si mesmo: ratificamos que a origem dos seus problemas está em você, portanto, preste atenção aos sinais que o seu corpo dá e como você reage a eles. Aceita ou recusa? 

Converse com alguém sobre: quando colocamos um problema para fora é mais fácil lidar e visualizar possíveis soluções. 

Pratique exercícios: assim como a tristeza, a ansiedade é muito comum, e para dar uma aliviada, você pode optar por exercícios físicos. Além da sua saúde, o seu corpo ficará bem mais relaxado e, consequentemente, sua mente também ficará. 

Andar de bicicleta, correr, praticar alguma dança…tudo é válido, desde que seu corpo esteja em movimento. Isso ajuda nos seus pensamentos, pois com o exercício você não vai precisar focar nas coisas ruins que andam acontecendo. 

Faça o que você gosta: além de exercícios físicos, você também pode fazer algo que te dê prazer e satisfação, pode ser a leitura de um livro, acompanhar maratonas de séries ou algum programa de tv de sua preferência. 

Mas todo excesso é ruim, então todo cuidado para isso não atrapalhar sua rotina. Tudo na medida certa que combine a sua saúde mental com as suas responsabilidades. 

Faça um planejamento: sei que pode ter acontecido algo muito complicado e forte na sua vida, mas tente sempre fazer um planejamento. O que você vai fazer amanhã. 

O que precisa resolver essa semana. Qual viagem consegue fazer e quanto você vai precisar economizar. Esse tipo de coisa pode te deixar ativo e motivado para continuar vivendo e bem. 

Aceitação: entenda que esse momento de tristeza na alma que você está passando é normal e que precisa da sua atenção. Nada acontece por acaso, veja o problema como algo superável, não como um obstáculo eterno. 

Positividade: não precisa dar tudo de você o tempo todo, basta que os seus pensamentos sejam os mais otimistas possíveis. O pensamento é a força de tudo, o que você precisa ter em mente é que isso vai passar e você vai sair dessa situação melhor do que entrou. 

Afaste a tristeza da sua vida e seja feliz! Precisando de ajuda estamos aqui.

Esperamos ter ajudado e que você tenha gostado do texto! 

Deixe um comentário

0
Pedidos